Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


ainda sobre o livro

por mandarina, em 23.05.12

Definitivamente não indicado a pessoas que estejam tristes, deprimidas, confusas, perdidas, decepcionadas, ou simplesmente a branco na vida. Não o recomendaria a pessoas que sofram destas patologias mas uma vez lido só posso deixar de concluir uma coisa:

Ninguém tem a capacidade de salvar alguém que não se quer salvar a si mesmo, ainda que seja uma preciosa ajuda, por maior que seja a vontade, o amor, a esperança, o esforço do outro não há salvação possível para uma pessoa que mergulhou nas trevas quando essa pessoa se abandonou a elas e não tem força suficiente para sair delas pelo seu próprio pé.

 

Temos de ser nós próprios a livrarmo-nos por nós próprios dos nossos fantasmas, sejam eles crónicos ou passageiros, é que os outros quando muito podem ser a mais valiosa bóia de salvação, mas não são o ar que só nós por nós próprios escolhemos respirar a plenos pulmões perante a maior ameaça, o medo ou o desespero.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D



Favoritos