Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Adaptação em banho-maria

por mandarina, em 16.09.12

Tal e qual como me sinto, em adaptação, primeiro ao fuso horário (continuo a acordar as 6h da manhã, upa upa), comida e cidade.

 

A adaptar-me ao novo espaço, gosto muito do apartamento, so meu, sossegadinho, tirando as vizinhas dos prédios em frente, em baixo, ao lado por todos os lados musica chinesa a quase todo o momento, em alto e bom som.

 

A pior parte, ter muito, muito sono durante a tarde, e imaginar-me a dormir a meio da tarde, estou aqui a combater o sono ao limite, não posso sucumbir a ele durante a tarde (madrugada em Portugal) senão este jetlag nunca mais me deixa em paz.

 

Segunda pior parte, tenho o estômago as voltas. Nota mental, nunca mais voltar a comprar comida jácozinhada de supermercado, isto foi a minha tentativa patética e mal sucedida de fugir aos noddles instantâneos. Foi pior a emenda que o soneto.

 

Terceiro e ultimo, voltar a por todos os sentidos alerta, ou pelo menos, a visão, e a audição em alerta máximo quando me passeio nas ruas ou passeios chineses, e simplesmente olho por olho dente por dente, senão quero ser atropelada impiedosamente. Anda-se tão melhor em passeios para peões quando estes não são invadidos por motas, carros, etc. Na China não há disso.

 

Quase que me esquecia de mais uma particularidade das ruas e da China chinesa em geral, os cheiros fortes, insuportáveis de tão maus que são, umas vezes de comida de rua que tem um cheiro pestilento, e na maior parte das vezes, o cheiro forte a lixo, a putrefacção de vai-se lá saber o que, e talvez também cheiro a esgotos. Digamos que a China chinesa não cheira a rosas.

 

E assim estamos em pleno processo de adaptação, o estômago todo virado do avesso, não saber onde comer relativamente bem é chato demais, mas começar a cozinhar esta para breve.

 

Agora vou-me preparar para  a missa, diga-se de passagem que vou adormecer, espero que não seja sacrilégio adormecer na missa. Que infiel que eu sou, mas como, meus fieis leitores, já vos disse, só vou pelo passeio, e pela padaria ao lado da igreja, e já agora por curiosidade, dizem que a igreja fica num bairro de prostitutas, haverá cenário mais peculiar?

 

p.s.: continuo a escrever num teclado sem acentuação pelo que vou remediando com a verificação automática.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D



Favoritos