Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Má da fita

por mandarina, em 20.11.13

Quando estou mais preguiçosa que o habitual, tipo hoje, dá-me para divagar.

Aqui vai a divagação do dia.

Tenho imensa pena de não ter mais amigos rapazes, ou será mais acertado dizer, de não ter amigos homens. É que eles são mais leves, mais descontraídos, mais bem dispostos, mais boa onda que as mulheres. Isto generalizando claro, as minhas amigas, apesar de não terem essa leveza e descontracção própria dos homens, são as melhores do mundo, estão sempre lá para mim, mesmo quando eu tenho ataques de anti-social.

 

Este é um assunto que me deixa senão triste, pelo menos inconformada, porque ou eu sou muita má como amiga ou simplesmente é difícil que um rapaz só veja em mim uma amiga. E isso é coisa para me chatear imenso. Isto porque passados dois minutos de conhecer um suposto novo amigo sei logo separar as águas, ou olho para ele como mais qualquer coisa, ou então simplesmente não, de forma definitiva. Não sou de misturar sentimentos desse tipo. Claro que isto é infelizmente, porque dizem sempre que o ideal é romantizar com um amigo verdadeiro.

Admito que é um bloqueio meu, mas eu nunca fui de misturar as coisas. E esforço-me ao máximo por deixar, desde o início, isso bem claro para que não hajam mal-entendidos.

Tenho imensa pena que até hoje não tenha conseguido gerir as coisas de maneira a evitar que acabam sempre com a pessoa em questão a confundir as coisas e a tentar sempre a sua "sorte" com palavras, sugestões, ciúmes mal disfarçados, e outras atitudes patetas, e por fim, a afastar-se porque afinal não conseguiu aquilo que quis.

 

É uma pena, porque eu não induzo ninguém em erro, e juro que não percebo porque rapazes que vejo somente como amigos vêem na amizade sempre uma maneira de conseguir algo mais do que só isso, quando a amizade por si só vale muito mais que um caso amoroso mal amanhado. E ainda está para chegar o dia em que eu descubra o que raio se passa na cabeça de gajos com os quais eu sou a mais neutra possível, nada de abracinhos, beijinhos, olhinhos, mão na perna, mão na nuca, palavras de engate, flirts mal disfarçados. É coisa para dizer, se não vêem que uma gaja que não faz nada disto não está nem aí para cenas amorosas convosco só descobrirão da pior maneira possível com palavras frias de confirmação. E assim se perde mais uma excelente oportunidade de preservar um excelente amigo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


2 comentários

Imagem de perfil

De Rita a 20.11.2013 às 15:42

Ainda não conheceste o tal rapaz! Ou então... Um gay! São muito divertidos e amigos (pelo menos enquanto estamos com eles). Não te lembras do G. em WHN?
Imagem de perfil

De mandarina a 20.11.2013 às 17:36

Conhecer já conheci...mas...oh...enfim, isso não é assunto de blogue
Pois, é isso, tenho de arranjar só amigos...gays, o que não é o mesmo que amigos homens.Hahahah
Beijinhos

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D



Favoritos